Hiraku

Na penúltima visita ao Hiraku, quando ainda era Miraku, a casa passou raspando na média. Ficou entre o ok, com alguns destaques, e um certo amadorismo no serviço. Faltava gerência e administração. Entretanto, não sei se foi o fim do ano ou o novo nome, mas na última visita não deu para salvar, nem por […]

Ô, PORKETA

É muito chato fazer crítica de um lugar que tem a mesma quantidade de características boas e características ruins. O Porketa é desses com grandes atrativos, a começar pelo ambiente diferente, descontraído, mas bem planejado, com mesinhas de madeira, bancada de atendimento e um porco amarelo gigantesco, ao redor do qual as pessoas podem sentar […]

Bierfass – Pontão

Eu confesso que gosto do Bierfass, particularmente, o do Gilberto Salomão. Comida farta, total vibe anos 90 no ambiente e nos pratos, preços ainda dentro de uma realidade viável, e atendimento rápido, apesar de meio ríspido. Já com o irmão chique, lá do Pontão, não sou tão familiarizada, mas já gostei de umas propostas deles […]

NIPO

Uma das coisas que eu mais detesto e que acaba sendo super comum em Brasília, devido à inconstância das casas e dos serviços, é ver uma casa abrir super bem, com boa proposta, com bom atendimento e, depois de um tempo, começar a decair. Mais especificamente, detesto elogiar um lugar e ter que criticá-lo depois. […]

DANIEL BRIAND

Um dos lugares que eu jamais pensei que me decepcionaria é o Daniel Briand. Entretanto, as últimas vezes que fui ao local, me deparei com doces e bebidas muito mal executados. A primeira decepção foi ao pedir um simples capuccino gelado. Fiz questão de perguntar como era preparado, ao que ouvi um “olha, ele é […]