In the Bar

Ah, os franceses conquistam….

DSC_0271
Fachada desprentensiosa.

 

DSC_0276
Dry Martini, o drink do 007.


Depois de trazer para Brasília uma versão mais tradicional e, ao mesmo tempo, original, de crepe, ou melhor, galette, à base de trigo sarraceno e recheios que surpreendem, o proprietário do In the Garden, o simpático Clément, viu uma oportunidade de investir em outra área e montou, no local do antigo Ziguifrida, na 408 Norte, o In the Bar, que tive o prazer de visitar.

DSC_0275
Temperadas e suculentas…

 

DSC_0277
Bolinhas de mandioca, sequinhas, delícia. R$15??

O bar foi excelente: white russian, mojito, dry martini, capiroskas, e até o hidromel, a bebidinha do Harry Potter – na qual dei só uma bicada e achei horrível – você encontra por lá. Preços camaradíssimas, na faixa média de R$9,50 a R$16,00 e tudo muito bem feito. Eu sou muito chata com coquetelaria, então, aplausos para o barman.

DSC_0279
Pizza margheritta, simples, mas muito gostosa. R$21??

O ambiente é bem simples, com um leve toque de humor resultante de sua própria displicência. A ideia não é tirar onda e, sim, aproveitar os drinks e cervejas e, é claro, os belisquetes. Tudo que é feito com cuidado tem sabor melhor, por isso, as asinhas de frango fritas, os bolinhos de mandioca e até a pizza me pareceram deliciosos e ótimos para acompanhar as bebidas, que foram aumentando de quantidade na mesa de maneira surpreendente, não sei porque…

DSC_0273
Mojito, um clássico para todas as horas. R$10,00

 

Considerando a companhia maravilhosa do Hilmar e da Cauca, e o atendimento tranquilo, a noite foi, literalmente, impecável. Como naquela quadra não havia muitas opções de drinks bem feitos e acessíveis, o lugar deve atrair uma clientela local bem bacana! Espero que dê tudo certo!

 

DSC_0291
White russian…o drink do Grande Lebowski. R$9,50

 

Serviço:SCLN 408, Bloco B, Loja 58, tel: 3034 3093

13 comentários sobre “In the Bar

  1. Estive lá na sexta-feira passada, e gostei bastante. Preços camaradas, e uma pizza surpreendentemente boa, que me trouxe profundo arrependimento por ter pedido os tais meios das asinhas de frango fritas em vez de outra pizza. Digo isso porque elas podiam ser mais caprichadas, não na quantidade, mas no visual e no preparo. Estavam muito engorduradas, e não custa servi-las em uma cama de alface, pelo menos, e fazê-las acompanhadas de alho em flocos, por exemplo.

    Mas o bar promete.

    1. Nélio, a pizza pra mim também foi uma das maiores e mais agradáveis surpresas. Até porque, como o bar fica na rua da Alfredo’s, eu estava bem descrente até ser convencida de que valia a pena. O tal do meio da asa, no dia, estava bem sequinho, mas, realmente, frango já não é muito atraente, servido sem um enfeite, então… 😉

  2. A bebida do Harry Potter é cerveja amanteigada, hehehe. Hidromel é uma bebida escandinava consumida na época dos vikings e feita de forma artesanal por alguns raros apaixonados pela época aqui em Brasília. O finado Mittelalter também vendia. =]

    1. Pois é, eu estava com uma fã hardcore do Harry bem na hora, que alegou a mesma coisa, hehehe! Mas é que eu tinha certeza de ter ouvido uma dublagem em que eles falavam ‘hidromel’…

    1. Isso mesmo! Lá na 413 Norte, no bloco do Bendito Suco, Three Burgers e Café com Vinil, mas virado para o parque Olhos d’Água. As galettes são espetaculares.
      Tenho um amigo que achou o In the Bar horrível, por conta justamente dos petiscos (que, realmente, não chegam aos pés dos crepes), mas acho que a ideia era deixar o custo beeem acessível, né?

  3. Estive lá um dia desses com o namorado e adoramos!
    Tem uma carta legal de cervejas especiais, que nós adoramos, e servem uma pipoca para acompanhar enquanto decidimos os belisquetes. A pizza estava deliciosa, não era pesada e acompanha bem a cerveja por não ser muito massuda.
    A música de fundo também é muito boa! Voltaremos com certeza!

  4. Só de ter White Russian já vale a pena, resta saber se o sabor será tão bom quanto o de sempre, pois desde a ida do “gringo” Rick(antigo Nations) de volta para UK com sua esposa, fiquei orfão deste drink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *