Dom Francisco Park Shopping

Eu já falei mil vezes que adoro serviço de buffet – é bom para os indecisos, é bom para os comilões e é ótimo para os pais que querem evitar ataques públicos dos filhos famintos e mal humorados.  Criança com fome é um saco.

Apesar de a Nina falar muito bem do buffet de fim de semana, eu havia ido apenas ao buffet de massas que acontece às noites de quarta a sábado, e, confesso, achei a opção para o ‘finde’ excelente, principalmente pelo preço: R$49,00.

Isso para ter acesso a um buffet que inclui saladas quentes e frias, massas e risoto feitos na hora, bacalhau, carnes, ensopados, pães e frios, e sobremesas. O bacalhau e o salmão, por exemplo, estavam divinos. Nem de longe tinham gosto e aspecto de comida ‘parada’, até porque a casa lota e as reposições são constantes.

O salmão conseguiu não passar do ponto, quando o centro do peixe cozinha demais. Ficou suculento, saborosíssimo, rosado vivo no meio. O bacalhau a Gomes Sá, hello, é um bacalhau do Francisco, em lascas, super bem temperado, cheio de azeite, delicioso.

O crepe de camarão estava meio ‘genérico’, insosso e um pouco massudo. O carpaccio, os pães recheados, tipo focaccia, e o rosbife com ervas e pimenta estavam excelentes. O rosbife, aliás, maravilhoso, para repetir constantemente e capaz de substituir até as carnes quentes.

O risoto de shimeji, preparado na hora, poderia ter um bouquet mais acentuado – eu gosto daquele aroma forte e do resquício do vinho branco. Mas, ainda assim, estava muito bom. O presunto cru, a abobrinha assada e a caponata de berinjela estavam divinos e me faziam querer passar mais tempo naquele setor do buffet do que no dos pratos principais.

As sobremesas não foram tão marcantes, mas doce nunca foi nosso forte. Ainda assim, a torta de limão e as mousses (eram mais um creme mesmo) de damasco e goiaba estavam gostosinhas, bem melhores que a torta alemã.

O atendimento, pelo garçom João, surpreendeu. Casa cheia e, ainda assim, foi solícito, simpático com as crianças e ágil. O ambiente é ótimo, garante espaço à cada mesa (p/ quem vai com carrinho, isso faz diferença) e a equipe pareceu sempre cordial.

Tirando a loucura de ir ao Shopping em pleno domingo, para ficar esbarrando em gente e não conseguir atendimento na Fnac, o passeio foi ótimo…graças à visita ao Dom Francisco.

NOTA DO BLOG: SHOW!!
DICA DO BLOG: achamos que o buffet compensa demais. Nem tudo é perfeito, mas a maioria dos pratos estava excelente. Considerando o custo-benefício, vale muito a pena.
Serviço: Park Shopping, praça de alimentação, 3363-3079

 

5 thoughts on “Dom Francisco Park Shopping”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *